Arquivo | Comportamento RSS feed for this section

Definição de filho, segundo Saramago

12 nov

“Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo ! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado. Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo”. 

José Saramago Genérico

 

Anúncios

Chica Bom Bom

10 nov

por Pat Guanais

Memórias e delícias da nossa infância agora em DC!

Ela é uma graça. Conquistou o coração do Derek e agora promete conquistar os Washingtonians de vezpelo estômago! 

A Érica Lima é uma paulistana doce, leve e divertida. Dessas de sorriso fácil e que no primeiro contato nos dá a impressão de uma pessoa mais do que de bem com a vida! 

E com esse espírito acabou de montar o seu próprio negócio, o Chica Bom Bom,  em parceria com uma amiga, a Bruna, onde a estrela das vendas é o nosso bom e velho – e claro, delicioso – conhecido, o Brigadeiro!

 

 

A inovação está nos sabores. Além do tradicional brigadeiro de chocolate ao leite, elas ainda oferecem as versões com chocolate meio amargo (chocolate Belga), com amendoim (pé de moleque), branco e beijinhos de coco. Tudo em caixas graciosas, perfeitas para presentear e derreter os corações dos gringos e brasileiros saudosos. 

Não deixem de visitar aqui o site dessas brasileirinhas inovadoras. É dar água na boca!  

Os hormônios do amor

3 nov

Toda blogueira que se preza faz dever de casa diariamente. Lê todos os blogs que segue, fuça na internet, faz contatos com Deus e o mundo, fica com a antena ligada 24h por dia.

Hoje, durante a sessão de atualização, me deparei com um vídeo super lindo sobre parto natural que tá bombando no youtube, o “Renascimento do Parto”. Trata-se do trailer de um filme. Fiquei super empolgada e saí em busca de quem estava por trás dele. Surpresa, é de uma produtora de Brasília!

A psicóloga Érica de Paula e seu marido, Eduardo Chauvet, são os responsáveis pela produção do filme. Ela me contou que originalmente o plano era fazer um programa de tv sobre o parto humanizado. Tendo em vista que ela é doula e acupunturista especializada no atendimento às gestantes. Mas o projeto cresceu e tornou-se um documentário, que cresceu mais ainda e ganhou status de filme.

Ele traz o depoimento de médicos obstetras renomados como o francês Michel Odent, o Doutor Ricardo Jones, autor do conhecido “Memórias de um homem de vidro”, a parteira Heloisa Lessa, a psicóloga Laura Uplinger e personalidades como Marcio Garcia e sua mulher Andréa Santa Rosa.

O lançado está previsto para março de 2012 durante um festival de cinema. Eu espero sinceramente que esse filme cresça mais ainda, a ponto de ocupar salas de cinema por todo o país. Afinal, como bem disse a Érica: “É um assunto de utilidade pública, estamos falando do futuro de uma civilização nascida sem os hormônios do amor”.

Tudo começa e termina em pizza!

2 nov

Sábado passado foi aniversário do meu neném. Andrezinho completou dois anos de vida.

A data não podia passar em branco. Convidamos a família para comer uma pizza e cantar parabéns. Tudo muito tranquilo e sem complicações. O básico e o simples também podem nos satisfazer completamente (A vida fica tão mais leve…).

Mas básico e simples não querem dizer de qualquer jeito!

A pizza era da melhor qualidade, contratamos a Santa Pizza (excelente atendimento, preço bacana, pizzaiolo atencioso e ainda confeccionam um cardápio personalizado para o evento). Os doces e o bolo vieram do Ateliê de Doces, da Andrea Zakarewicz e do Eduardo. Os descartáveis, os mais charmosos do pedaço diga-se de passagem, da Festa de Papel, marca da artista plástica brasiliense Denise Brandt. Flores naturais em garrafas de leite vintage, trazidas diretamente da Feira da Benedito Calixto (adoro!) e toalha de mesa produzida pelas minhas eternas professoras de costura Sílvia e Cláudia, da Casa Quilt. Ingredientes perfeitos que fizeram do aniversário do meu filhote um momento super especial para a nossa família.

Se você também curte a vida com uma pegada mais leve, ficam aí as dicas!

Minha pequena cisne

18 out

Há um mês a minha companheira de dança resolveu seguir carreira solo. Matriculamos a Manu no ballet  do estúdio Dança & Cia, com a professora Daniela Amorim.

Desde a primeira vez que eu a levei a um espetáculo de ballet, sempre que passamos em frente ao Teatro Nacional ela diz: Mamãe sabia que um dia eu vou me apresentar nesse teatro?!

Uma das minhas preocupações em relação as diversas atividades que são oferecidas hoje às crianças é oferecer a elas no momento certo, para tenham condições motoras, psíquicas e que realmente dêem conta do que estiverem fazendo. (Acho o fim gente que força a barra com uma criança pequena).

Agora, como ela está com quase 4 anos, fase em que a criança passa a ter sua consciência corporal expandida e consegue se equilibrar em um pé só, achei que seria uma boa hora e a liberei para brincar de dançar ballet em uma academia.

Deixem os seus sapatos e podem entrar

A professora foi escolhida a dedo. A tia Dani já era uma referência pra mim antes mesmo de eu ser mãe. Fiquei apaixonada por ela no dia em que uma amiga bailarina contou sobre uma turma de meninas surdas que faziam ballet. E a professora era a Dani. Pensei: uau! Tem que ser uma pessoa muito especial para enfrentar um desafio desses! No início das aulas, quando nos sentamos para conversar sobre as minhas expectativas a respeito das aulas de dança para Manu, não tive dúvidas, era ela a pessoa certa para conduzir a minha pequena nesse novo momento.

A bailarina entra, mamãe e Kiki ficam do lado de fora da sala esperando...

Uma hora depois, a porta se abre e lá estão elas em fila para dar o beijo de tchau na Tia Daniela...

Mas nesse dia a bailarina não estava a fim de flashes...

Que seja feliz a iniciação da minha pequena cisne no ballet.
Serviço:
Dança & Cia
SCLN 309 – Bl. D – subsolo 48
tel: 3347 9114

Estão todos convidados pro show de mágica do Tio André!

30 set

Dona Canô chamou… e nós fomos!

29 set

por Pat Guanais

Todas as nossas temporadas na Bahia nos trazem surpresas deliciosas…

Dessa vez foi um convite para a comemoração de um aniversário bem especial, o da Senhora Claudionor Viana Telles Velloso, a Dona Canô, mãe de oito talentosos filhos, sendo os mais conhecidos Caetano e Maria Bethania.

A amizade dos Coni Campos, família do meu marido, e dos Velloso vem de longa data e todos os anos a família é convidada a celebrar mais uma primavera dessa simpática senhora. Dessa vez estávamos aqui, eu e a minha pequena, e como Fátima não dispensa um aniversário, embarcamos rumo a Santo Amaro da Purificação para ajudar no coro afinadíssimo dos parabéns!

 

Mas o que há mesmo de especial nessa comemoração?

A matriarca da família Velloso completou este ano 104 anos de vida! É, comadres e compadres, os números impressionam, mas ao que tudo indica existe algo em Santo Amaro que propicia vida longa aos seus habitantes! Dona Canô não está só em sua longa e bem vivida existência. Ao seu lado seguem amigas igualmente centenárias e com a mesma disposição! Ainda no último mês comemorou o aniversário de 102 anos de uma delas.

O dia 16 de setembro começou tranqüilo, com café da manhã entre seus familiares, seguido de uma missa. A Igreja estava repleta de flores e de famosos. Além dos filhos, netos e bisnetos, a atriz e amiga Regina Casé, a ex de Caetano, Paula Lavigne, muitos amigos conterrâneos e alguns curiosos. Na saída da Igreja chocolate quente e lembrancinhas para os convidados, além de um bolo para cantar os parabéns.

Fátima a todo o momento dizia “mamãe, eu não estou vendo Dona Canô”. A ansiedade para conhecer a aniversariante era grande. Finalmente ao final da missa pudemos vê-la de perto e desejá-la mais um ano de saúde e paz!

Uma doçura essa Dona Canô.

E falando em doçura e aniversário, resolvi compartilhar aqui com vocês uma receitinha de família, repassada pelo filho Rodrigo Velloso (Sim, Velloso com dois eles. O que eu soube foi que ao registrar Caetano o escrivão se atrapalhou e colocou um ele só e assim ficou…).

Bolo Delicioso de Dona Canô 2

Ingredientes:

300g de açúcar peneirado

200g de manteiga

6 ovos

Leite de coco

1 pitada de sal

300g de puba* úmida e peneirada com uma colherinha de chá de fermento em pó

 Modo de fazer

Bater a manteiga com o açúcar, colocar as gemas uma a uma e continuar a bater. Depois, sem bater, mexendo com colher de pau, juntar, de forma alternada, o leite de coco (ao qual se acrescentou uma pitada de sal) e a puba. Por fim, juntar as claras batidas em neve.

Assar em forno pré-aquecido, em forma redonda, não muito alta.

*Puba é uma massa fermentada extraída da mandioca e muito utilizada na produção de bolos, biscoitos, mingaus e várias receitas típicas do norte e do nordeste brasileiro.
O processo de obtenção da puba consiste em deixar a mandioca de molho num recipiente com água por sete dias. No final desse período a mandioca estará mole, então escorre-se a água, lava-se abundantemente a mandioca e em seguida ela é ralada.
Com a mandioca ralada, escorre-se completamente o líquido. Normalmente é separada em porções, protegidas com papel filme e guardadas no refrigerador por uma semana ou por até seis meses no congelador. (Fonte: “http://pt.wikipedia.org/wiki/Puba“)

%d blogueiros gostam disto: